Como fazer cartão de visita no power point

Como fazer cartões de visita no Power Point

Dada a importância de um bom cartão de visitas para sua ascensão profissional, estabelecimento de uma rede de contatos e fechamento de novas parcerias, bem como conquista de novos clientes, por exemplo; se não pretende contratar o serviço de bons designers que consigam transformar a sua identidade (e a de seu negócio) em um visual interessante e bonito para seu material – ou mesmo utilizar todos os modelos online, prontos e perfeitos para você na Zocprint – te ajudaremos a planejar o seu usando um programa de fácil manuseio: aquele mesmo Power Point que você preparava suas apresentações na época de colégio te servirá agora!

Lembre-se daquelas velhas e coringas dicas para seu cartão de visita ser infalível, tais como somente a inclusão das informações realmente necessárias para que seu contato consiga te achar num futuro próximo e estabelecer algum relacionamento profissional, cuidar para que ele seja clean e, deste modo, facilmente lido; entregá-lo impecavelmente, sem rasuras ou amassados – e se estas gafes forem evitadas e seu material ficar realmente interessante, seu contato só terá boas impressões sobre você ao invés de pensar que seus serviços são pautados por desorganização e desleixo.

Já abriu o Power Point? Vamos trabalhar! Confira já o nosso passo a passo:

1. Para começarmos, selecione a aba Design, clique em configurar página e altere as medidas da sua página de trabalho para 8,8 centímetros de largura por 4,4 de altura. Lembre-se que, para visualizar na sua tela o tamanho real de como ficará seu cartão depois da impressão, basta deixar o zoom em 100%. Esta dica vale para os demais programas do pacote Office – e claro que, para você planejar o seu trabalho no cartão, vale aumentar um pouco esta ampliação.

2. Facilitando seu trabalho e planejamento, insira no esquema as réguas laterais e algumas linhas de orientação. Para tanto, selecione a aba Exibição, vá ao grupo Mostrar e assinale as opções Régua e Guias.

Para inserir mais linhas guias, basta manter pressionado o Ctrl, clicar na linha central e arrastar uma cópia dela para onde você deseja que tenha mais uma. Para as linhas na horizontal, o mesmo mecanismo é válido. A dica é manter as linhas centrais no lugar, desta forma, você sempre terá marcado exatamente onde fica o meio e, se quiser, estabelecer elementos simétricos. Ajustar suas caixas de texto conforme as linhas guias também ajuda.

Já estruturalmente pronto, comece a inserir seus dados no cartão. Para colocar símbolos que simplifiquem a comunicação - tais como um telefone para indicar que o número ali grafado é fixo ao invés de celular, um envelope para dizer que aquele endereço é o e-mail para contato, etc.; vá até a aba Inserir, no grupo Símbolos e opção Símbolo, e insira os que fizerem sentido às informações contidas.

OBS: Para chegar nestes símbolos usados no exemplo, a fonte usada é chamada Wingdings.

3. Para a parte mais importante do seu trabalho, a arte, você pode se valer de duas alternativas mais simples: A primeira é um dos designs já prontos cedidos pelo programa. Para acessá-los, vá à aba Design e escolha aquele que mais tenha a ver com o seu estilo e o de seu negócio ou profissão. Atente-se sempre para a poluição visual do seu material (que joga sempre contra você).

4. A segunda opção é a experimentação de formas e cores. Para isso, deixe a imaginação fluir clicando na aba Inserir, no grupo Ilustrações e opção Formas e comece suas experiências.

"

c